TV CONSUMIDOR Bah! TV ONLINE TOP Consumidor NOTÍCIAS RECOMENDAMOS QUEM SOMOS CONTATO  
   
     
 


01/02/2021

Farmacêuticos são essenciais ao controle da Covid-19
Entidades defendem vacina para farmacêuticos e todos funcionários dos estabelecimentos farmacêuticos!

As entidades representativas dos farmacêuticos e dos estabelecimentos farmacêuticos, no estado do Rio Grande do Sul, em conjunto, vêm a público para manifestar, enfaticamente, que os farmacêuticos e suas equipes são profissionais da saúde essenciais, atuando em unidades de prestação de serviços destinadas à assistência farmacêutica, às análises clínicas, à assistência à saúde e à orientação sanitária individual e coletiva.  

Durante a pandemia pela Covid-19, essa prática tem sido bastante evidenciada, e da mesma forma que outros profissionais da saúde, os farmacêuticos assumiram riscos nas farmácias, laboratórios, hospitais, dentre outros, para garantir, não somente a dispensação e o fornecimento de medicamentos, inclusive para síndromes respiratórias, mas também a aplicação de vacinas e a realização de testes rápidos e exames laboratoriais para a Covid-19. Todos esses serviços acontecem de forma complementar à rede de cuidado e de atenção à saúde.  

É importante ressaltar que as farmácias e laboratórios prestam serviços essenciais e por isso permanecem de portas abertas desde o início da pandemia, nunca fecharam. Farmacêuticos e equipes estão expostos a um alto risco de contaminação, pois atendem a população, sem exclusão.   

Nas farmácias públicas e privadas, na orientação e dispensação, antes e após a consulta médica, os pacientes buscam os farmacêuticos para obterem os medicamentos indicados para os primeiros sintomas da Covid-19.   

Nas farmácias e laboratórios privados, os pacientes também buscam testes rápidos ou exames para diagnóstico, onde os farmacêuticos realizam coleta de amostras com swab para testagem rápida de antígenos ou exames de RT-PCR, coleta de amostra por punção digital ou punção venosa para testagem rápida de anticorpos ou exames para detecção de níveis de anticorpos.  

A Associação Nacional de Farmacêuticos Magistrais do Rio Grande do Sul (ANFARMAG-RS), Conselho Regional de Farmácia do Rio Grande do Sul (CRF/RS), Laboratórios Associados (LAS), Sindicato do Comércio Varejista de Produtos Farmacêuticos do Rio Grande do Sul (SINPROFAR), Sindicato dos Hospitais e Clínicas de Porto Alegre (SINDIHOSPA), Sindicato dos Laboratórios de Análises Clínicas do Rio Grande do Sul (SINDILAC), Sociedade Brasileira de Análises Clinicas - Rio Grande do Sul (SBAC-RS), Sociedade Brasileira de Farmacêuticos e Farmácias Comunitárias - Rio Grande do Sul (SBFFC-RS), Sociedade Brasileira de Farmácia Hospitalar e Serviços de Saúde - Rio Grande do Sul (SBRAFH-RS), vêm a público manifestar a defesa por vacina em quantidade suficiente para atender toda a população e o respeito aos grupos prioritários.  

Manifestam, ainda, a necessidade dos governos, nas três instâncias, em cumprir o Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19, incluindo, nos documentos de comunicação com a população, o reconhecimento dos farmacêuticos e equipes como essenciais e integrantes dos grupos prioritários, seja no setor público como no setor privado, demonstrando todo o impacto do trabalho dos farmacêuticos no combate à pandemia, sempre dispostos a cumprir todas suas responsabilidades e o atendimento às necessidades de saúde dos cidadãos.  

A vacinação dos farmacêuticos e suas equipes (públicos e privados) dentro dos grupos prioritários, respeitando os critérios de prioridades, protege todos os cidadãos.     

A pandemia desafia a todos. Para isso nos exige somar forças por unidade de ação por vacinas para toda população brasileira, fomento aos laboratórios oficiais, pela quebra de patentes, respeito às prioridades e aos trabalhadores da saúde, bem como a tomada de todas medidas de segurança sanitária e não farmacológicas.  

Referências: Plano Nacional e Estadual de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19, Lei 13.021/2014, RDC/ANVISA Nº. 302/2005, RDC/ANVISA 44/2009. 

ESTABELECIMENTO FARMACÊUTICO É ESSENCIAL À SAÚDE #Vacina Para Todos 

Associação Nacional de Farmacêuticos Magistrais do Rio Grande do Sul (ANFARMAG-RS) 

Conselho Regional de Farmácia do Rio Grande do Sul (CRF/RS)

Laboratórios Associados (LAS) 

Sindicato do Comércio Varejista de Produtos Farmacêuticos do Rio Grande do Sul (SINPROFAR) 

Sindicato dos Hospitais e Clínicas de Porto Alegre (SINDIHOSPA) 

Sindicato dos Laboratórios de Análises Clínicas do Rio Grande do Sul (SINDILAC) 

Sociedade Brasileira de Análises Clínicas - Rio Grande do Sul (SBAC-RS) 

Sociedade Brasileira de Farmacêuticos e Farmácias Comunitárias - Rio Grande do Sul (SBFFC-RS) 

Sociedade Brasileira de Farmácia Hospitalar e Serviços de Saúde - Rio Grande do Sul (SBRAFH-RS)    

Fonte: CRF/RS
Autor: Imprensa
Revisão e edição: de responsabilidade da fonte

Imprimir Enviar link

   
     
  ?>
Comentários
 1 comentários


   
       
     
 
       

+55 (51) 2160-6581 e 99997-3535
appel@consumidorrs.com.br